quinta-feira, 6 de março de 2008

A importância de Barão do Rio Branco para o Brasil

Sua maior contribuição ao país foi a conquista de três importantes territórios através da diplomacia: Amapá, Palmas e Acre. No Acre, Rodrigues Alves, presidente da república em 1902, escolheu o Barão do Rio Branco para defender o Brasil numa questão de fronteiras com a Bolívia. Esta tentava arrendar uma parte do seu território a um consórcio empresarial anglo-americano. A terra não era reclamada pelo Brasil, mas era ocupada quase que integralmente por colonos brasileiros, que resistiam às tentativas bolivianas de expulsá-los. Em 1903, assinou com a Bolívia o tratado de Petrópolis, pondo fim ao conflito dos dois países em relação ao território do Acre, que passou a pertencer ao Brasil mediante compensação econômica e pequenas concessões territoriais. Esta é a mais conhecida obra diplomática de Rio Branco, cujo nome foi dado à capital daquele território (hoje estado). Teve sua efígie impressa nas notas de Cr$ 5 (cinco cruzeiros) de 1950, nas de Cr$ 1.000,00 (mil cruzeiros) de 1978 e cunhado no verso das moedas de 50 centavos em circulação atualmente no Brasil. Foi o segundo ocupante da cadeira 34 da Academia Brasileira de Letras.

7 comentários:

Helo disse...

Muito bom , resumido e direto ao ponto.

Jhenny disse...

adorei.muito bom !

gabriel_1864 disse...

agradeço me ajudou muito!!

Felipe Kel disse...

Mui buenos

Camila Menegalle disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Camila Menegalle disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Little Cake disse...

obrigado, me ajudou muito. muito bom, e resumido, indo direto ao ponto. parabens.