quinta-feira, 6 de março de 2008

A importância de Barão do Rio Branco para o Brasil

Sua maior contribuição ao país foi a conquista de três importantes territórios através da diplomacia: Amapá, Palmas e Acre. No Acre, Rodrigues Alves, presidente da república em 1902, escolheu o Barão do Rio Branco para defender o Brasil numa questão de fronteiras com a Bolívia. Esta tentava arrendar uma parte do seu território a um consórcio empresarial anglo-americano. A terra não era reclamada pelo Brasil, mas era ocupada quase que integralmente por colonos brasileiros, que resistiam às tentativas bolivianas de expulsá-los. Em 1903, assinou com a Bolívia o tratado de Petrópolis, pondo fim ao conflito dos dois países em relação ao território do Acre, que passou a pertencer ao Brasil mediante compensação econômica e pequenas concessões territoriais. Esta é a mais conhecida obra diplomática de Rio Branco, cujo nome foi dado à capital daquele território (hoje estado). Teve sua efígie impressa nas notas de Cr$ 5 (cinco cruzeiros) de 1950, nas de Cr$ 1.000,00 (mil cruzeiros) de 1978 e cunhado no verso das moedas de 50 centavos em circulação atualmente no Brasil. Foi o segundo ocupante da cadeira 34 da Academia Brasileira de Letras.

3 comentários:

Helo disse...

Muito bom , resumido e direto ao ponto.

Jhenny disse...

adorei.muito bom !

gabriel_1864 disse...

agradeço me ajudou muito!!